Os 10 Melhores Emuladores de Terminal para seu Linux

Ranking baseado nas minha experiências.

Os 10 Melhores Emuladores de Terminal para seu Linux

Apresentação

Geralmente quando você instala uma distribuição, interface gráfica ou até mesmo um WM , por padrão já vem com um emulador de terminal incluso para você utilizar, mas nem sempre é aquele que você deseja.

E em alguns momentos você também sente vontade de testar (experimentar) um outro emulador, às vezes por questão de utilidade ou até mesmo por vontade e gosto pessoal. E aí começam as pesquisas para saber o que cada um oferece de melhor.

Provavelmente esse seja o motivo que você chegou até aqui e é justamente pensando nisso que eu vou descrever cada um dos emuladores citados aqui para que você não saia com que dúvida e além de fazer um ranking na ordem decrescente que vai do 10º até o 1º , além de citar outros que não estão nesse ranking, mas caso você tenha interesse em pesquisar posteriormente.

Vale ressaltar que esse ranking é baseado nos meus gostos pessoais, lógico que eu já testei cada um deles e talvez essa minha análise venha lhe ajudar também na sua escolha.

Introdução

Embora um emulador de terminal seja sinônimo de um terminal shell ou de texto , o terminal todos os terminais remotos, incluindo as interfaces gráficas.

Um emulador de terminal dentro de uma interface gráfica de usuário é geralmente chamado de janela de terminal .

Ranking

Agora vamos ao ranking que eu criei com um resumo de cada um!

10º Termite

Termite

Termite é um emulador de terminal baseado em VTE mínimo. É uma aplicação modal , semelhante ao Vim , com um modo de inserção e modo de seleção, onde as combinações de teclas têm diferentes funções.

O arquivo de configuração permite alterar as cores e definir algumas opções. Suporta transparência juntamente com as paletas de 256 cores e cores reais (16 milhões de cores).

git clone --recursive https://github.com/thestinger/termite.git
cd termite && make
sudo make install

Consulte o GitHub dele para saber como utilizar e atalhos e teclas mágicas:

https://github.com/thestinger/termite


9º Tmux

O tmux é um software que serve para multiplexar vários terminais , permitindo que um usuário acesse várias sessões de terminal separadas dentro de uma única janela de terminal ou sessão de terminal remoto. É útil para lidar com vários programas. Existem alguns aplicativos similares como: GNU Screen, Byobu, Wemux, entre outros.

Aqui no blog já existe um artigo e um vídeo sobre o tmux, para saber como instalar e configurar acesse esse link: Como Instalar E Utlizar O Tmux . Ou Assista ao vídeo abaixo:


8ª Guake

Guake

O Guake é um terminal top-down para o Gnome, e é altamente inspirado pelo famoso terminal usado no Quake.

Você pode instantaneamente mostrar e ocultar seu terminal com um único toque de tecla, executar um comando e voltar à sua tarefa anterior sem interromper seu fluxo de trabalho.

A maioria das distribuições já possuem o Guake no repositório, mas se quiser instalar através do código fonte, acesse o github deles: https://github.com/Guake/guake/


7º Deepin Terminal

Deepin

Este é o terminal para o Deepin, mas você pode instalá-lo separadamente na sua distro via repositório.

O endereço oficial do Deepin Terminal é: https://github.com/linuxdeepin/deepin-terminal


6º Terminology

Terminology

Terminology é um emulador de terminal para sistemas Linux/BSD/UNIX que usa a biblioteca EFL. Ele faz parte do Desktop Environment Enlightenment o qual nós possuímos um vídeo detalhando essa interface e pode ser assistido através do vídeo abaixo:

Enlightenment Desktop - Uma Luz pro Linux

Endereço oficial do Terminology: https://www.enlightenment.org/about-terminology.md


5º Hyper

Hyper é uma proposta moderna para emuladores de terminais.

Você pode instalá-lo via AppImage , ou seja, basta fazer download do arquivo dar permissão de execução e clicar duas vezes sobre o mesmo que ele irá rodar.


4º LilyTerm

LilyTerm

LilyTerm é uma opção muito leve, prática e funcional . Atualmente uso ele junto com o bspwm . Em um dos vídeos do Canal Terminal Root instalamos e configuramos ele no Funtoo.

Para instalá-lo é o mesmo procedimento: use o gerenciador de pacotes da sua distribuição, exemplos:

emerge lilyterm # Gentoo, Funtoo e derivados
sudo apt install lilyterm # Debian, Ubuntu, Mint e derivados
sudo pacman -S lilyterm # Arch Linux, Manjaro e derivados

3º Rxvt

Rxvt

O rxvt é um dos mais eficientes quando o assunto é velocidade . É um emulador para usuários avançados e sua customização é via arquivo, mas você pode instalar o Urxvt-Config e configurá-lo via interface gráfica: https://github.com/daedreth/URXVTConfig . Se você estiver usando Gentoo ou Funtoo basta usar o [Portage] para instalá-lo: emerge urxvtconfig .

Em diversos vídeos que nós criamos, usamos e configuramos o rxvt-unicode (como também pode ser chamado) , dentre eles, podemos citar esse da Instalação do Gentoo:


2º Gnome Terminal

Gnome Terminal

É um emulador de terminal para o ambiente de área de trabalho GNOME escrito por Havoc Pennington e outros. É muito completo e fácil de usar!

Quando você instala o GNOME automáticamente o Gnome Terminal já está disponível, mas se você estiver usando outro Desktop Environment , você pode instalá-lo separadamente através do repositório da sua distribuição, exemplo: sudo apt install gnome-terminal .


1º Xterm

Xterm

E na primeiríssima colocação temos o Xterm . Ele é base para quase todos os emuladores de terminais citados nesse artigo, incluíndo o 2º e 3º colocado, ou seja, o GNOME Terminal e RXVT são baseados no Xterm . Na verdade, através das configurações do Xterm , você consegue transformá-lo em quase todos os emuladores que você desejar! =)

No nosso Curso Intensivo de Shell Script Avançado ensinamos como configurar do zero o Xterm, além de mostrar como utilizá-lo facilmente!

Há também um vídeo de Pós Instalção do Arch Linux , onde configuramos automáticamente via Shell Script o Xterm .

Com certeza é a melhor opção pra quem quer aprender a mexer no Terminal e ter mais intimidade com a Tela Preta!

A instalação do Xterm é muito simples, basta usar o gerenciador de pacotes da sua distribuição, exemplos:

emerge xterm # Gentoo, Funtoo e similares
sudo apt install xterm # Debian, Ubuntu, Linux Mint e similares
sudo pacman -S xterm # Arch Linux, Manjaro e similares
sudo yum install xterm # Red Hat, CentOS, Fedora e similares

Bônus - st

Simple Terminal st

E de bônus você também pode tentar o SimpleTerminal ou simplesmente st . Atualmente uso ele no FreeBSD , pois o mesmo já está disponível para o Gerenciador de Janelas dwm , é bem legal e fácil de configurá-lo e é ainda mais leve que o rxvt.

Conclusão

Como vocês notaram, existem diversas opções para usar o Terminal, fora os que não foram citados, porque eu nunca usei, ou achei que não era tão interessante assim. Independente da sua escolha, o importante mesmo é se adapatar ao terminal, porque a quantidade de coisas que você pode fazer no terminal está anos-luz da interface gráfica. Sério!

Espero que vocês tenham gostado do artigo e se puderem para ajudar, compartilhem nas suas redes sociais!

Até a próxima, um forte abraço!

Compartilhe

Marcos Oliveira

Autor
Marcos Oliveira
Desenvolvedor de Software
youtube.com/TerminalRootTV

Pacote Promocional com Todos os Cursos

Adquira todos os cursos para se tornar um ninja do Terminal e do Linux.

Artigos Relacionados



Comentários